c

Cum sociis Theme natoque penatibus et magnis dis parturie montes, nascetur ridiculus mus. Curabitur ullamcorper id ultricies nisi.

1-677-124-44227 184 Main Collins Street, West Victoria 8007 Mon - Sat 8.00 - 18.00, Sunday CLOSED
Follow Us
Image Alt

Contrações Musculares 2

Contrações Musculares 2

Na sequência do artigo anterior, hoje venho falar sobre a influência das diferentes ações musculares para o objetivo de ganhos de força muscular.
Dados estes 3 fatores apresentados no artigo de âmbito científico anterior, estás agora a questionar: “pra que raio quero eu saber isto?” Mas que funcionalidade pode ter esta informação se quiser aumentar força, tendo em conta que os aumentos de força dependem de fatores neurais, ativações nervosas das devidas unidades motoras? Partindo do princípio que o aumento da secção transversal da fibra muscular leva a hipertrofia, parece lógico o facto: ganho de fibra contráctil, pode, por sua vez, aumentar a capacidade de gerar tensão, isto é, ganhos de força.
Procurando dar exemplos práticos, se o teu objetivo passa por competir levantando uma vez o peso máximo, será de extrema relevância que o teu planeamento seja específico para isso, entre 1-6 repetições entre 85-100% 1RM, no entanto, sem exclusividades (já deves imaginar outras possibilidades, com o devido porquê respondido por ti mesmo, no entanto isto requer devida periodização). Se estás num ginásio/ou academia e simplesmente queres aumentar a tua força de modo a aumentar futuramente a tensão para cada repetição que faças para outro objetivo, a base será a mesma, mas a especificidade será diferente. Passo a explicar, o estímulo sensorial para fazer uma repetição máxima é diferente do estímulo para levantar 6 ou 8 ou 10 ou x vezes a mesma carga externa, vezes y séries, com o devido descanso claro. Concluindo, o teu cérebro entende, através da informação transmitida pelo fuso neuromuscular, a tarefa a que te estás a propor, se esta tarefa for impossível o Complexo Tendinoso de Golgi ajudará a dificultar ainda mais a tarefa para te fazer sentir fraco (safado), se for possível, aí o teu músculo receberá autorização para contrair quanto necessite para vencer a carga externa (é tudo tão rápido que nem te apercebes dos CTT Expresso que tens no teu sistema nervoso).

Marco Norte, 2017